Após Putaria, Risos e Conteúdo Infinito, chegamos ao quarto e último capítulo da pseudo série de pautas de Internet de Heitor Okimura. O Ódio, os haters, a pestilência online. Chegamos na sujeira, a baixaria enfim… E você que achou que o baixo era a pornografia…
Vivemos em uma era complexa, Trumps e conservadores se espalham por tudo. Bolsominions procriam no limbo e discursos de ódio populistas surgem pelo planeta para agradar os “tontão”. Todo mundo tem opinião, todos se sentem no direito de falar a merda que pensam e a Internet ainda deu voz aos insignificantes e odiosos. Mas em contraponto as celebridades e famosos obedecem as riscas a cartilha dos media training, seja um nabo! Não opine, não comente e vê se não seja assediado…
Na Internet basta ler os comentários, de notícias, do YouTube, do Facebook, é treta garantida! A baixaria conta com a impunidade, é de racismo a pura cretinice, o gosto pelo ódio e seu vício recompensado. Precisamos nos precaver com a desconstrução dos imbecis e nada melhor do que o BSC Podcast.
Norminha apoia o ódio, Raoni Nicolai espalha a discórdia. Quem já tem teto de vidro quebrado que não pare de atirar pedras. Um pouco daquela treta marota interna que respinga chuva ácida..  Na dúvida, já sabe, para com o textão ativista e só manda tomar no c*.
O que Felipe Neto, Donald Trump e Bolsonaros compartilham?! E mais: Gui Preto em dia de fúria justificável. O que um humorista não tem que aguentar?! Os relatos ativistas de um negro na linha de frente no melhor estilo Panteras Negras contra as socialites.
Quem veio primeiro? O ódio do ovo, ou o ódio pela galinha? As tretas podcasters e os ouvintes que semeiam, regam e colhem a discórdia. Por que tanta rivalidade?
Já diria o sábio e incompreendido político nordestino, Tiririca: “Quando eu odilho eu odilho“. Cuidado, Parental Advisory: Open palavrão!Até porque não dá para odiar com palavras fofas, e eu já nasci puto!

Esse episódio é ostentação. A prova cabal que o BSC fala de QUALQUER COISA! E que baita propriedade…
De um lado Thiago Zap, formado recreador, habitué das piscinas de Porto Seguro; do outro, Octávio Rogens, mestre em brasilidades, marchinhas e histórias chatas, e no meio ainda, todo mundo, mais (PLUS) Alysson Lima. Ele rebola que nem o Jacaré e por isso está aqui. Baita currículo.
Alysson Lima, hoje humorista standuper e Mc das Noites Paulistanas foi outrora membro da “Rapaziada” do grupo Adryana e a Rapaziada… Sim, aqueles caras que pareciam que iam estuprar a moça loira ao som melódico de belos vocais. Passamos por sua carreira de backstages de Domingo Legal enquanto desbravamos o mundo da música, o Axé Bahia, esse estilo musical cheio de flashbacks. Estamos baixo, estamos fundo.
Eles sabem todas as músicas! As variantes, os subgêneros, quem é quem, veio da onde, saiu porquê? E mais: Pessoas Sucesso, Casais Maravilhosos, Carla Perez e Xanddynho. Como a Loira Burra chegou onde nenhuma dançarina jamais chegou?! Saiba porquê o Axé esta seguindo a moda dos pagodeiros 90. E ainda: uma dança coringa para bailar qualquer coisa baiana, pode ser a Corda do Caranguejo, o Carlinhos Brown e a maldita da água mineral, Rebolation ou até Daniela Mercury. Forçamos, é claro.

Um programa só sobre sécso! Mentira. Um programa inteiro só sobre PORNOGRAFIA! HÁ!
O que vocês mais gostam, o que vocês mais querem, o que vocês mais pedem… Pá!
É no olho, é na cara, é no dente… Nunca vi tanto especialista. São essas pautas do Heitor Okimura, elas sempre rendem um caldo… Tem gente aqui que estudou, pesquisou, fez até estágio.
“Madre superiora, não me tire o seu hábito que eu me desfaço” Tem o entregador, tem o jardineiro, e a footage na mini van?! Todos os clichês. Octávio Rogens então, vem com fantasias que ninguém sabe que existe, nem todas muito saudáveis, mas que sites rentabilizam alto. Aliás, o que é pornografia saudável?!
Como você criará seu filho? Com filtro de internet? Com a coleção completa de Alexandre Frota em Blue Ray?! A nova geração tem tudo a 2 cliques, mas não foi sempre assim…
E saiba quais são as celebridades que fizeram pornô em inicio de carreira e você não sabia. E o debate: Xuxa Meneghel, a rainha dos baixinhos, fez ou não fez pornografia? O mestre da Chanchada do BSC responde.

Já faz uma Era que a Internet existe. No começo era uma zona e nada funcionava de fato. Terra de ninguém para poucos. Que se diga da pornografia na era discada…
Mas muita coisa mudou e evoluiu, o tempo passou… E assim foi com a comédia online, o humor, os blogs, sites, formatos. Do profissional ao entusiasta amador, o freestyle do dia a dia, passando fofamente pelos relapsos de avós na webcam. Como é o humor na Internet hoje?
No começo todo mundo se divertia com ninharia, mas tudo se aperfeiçoa… As redes sociais vêm e vão. Os primeiros podcasts #meudeusdoceu Os primeiros episódios do BSC #meudeusdoceu Os memes do Heitor #meudeusdoceu.
E os memes, enfim se foram da internet (Serã?) A tosqueira não… A tosqueira sempre têm espaço no humor online. Padrão Porta dos Fundos ou padrão Hermes e Renato?!
O Brasil ainda é especial. País grande, cheio de gente, bastante analfabeto e altamente presente na internet. Como o país que menos fica na escola poderia não dominar essa bagaça?! Brasil marca seu peso, espalha discórdia, e contamina a www com seu humor característico. HUEBR neles! É praga, é vírus!
Mais um episódio: Heitor tem uma piada especial para nós, mas vai perder No Desafio 8 Bits com Siri, a inteligência artificial de dicção meramente aceitável, porém superior.

Scroll to top