Comportamento,
79 MINS

BSC#360 – Muito velhos, super velhos, ultra velhos…

outubro 19, 2019

Hora de falar de velhice, hora de falar da terceira idade, e que tal falarmos de quarta idade?! O extremo, os muitos velhos, quando a vida faz a curva e nós voltamos a sermos crianças.

Pirraças, birras, Alzheimer, bengalas, é difícil cuidar dos velhos, é necessário paciência, atenção e muito biscoito champagne. O que não fazer, o que fazer, os cuidados especiais e as distrações, desenho, pintura e aquele papo furado. O jogo psicológico na velhice, como dobrar a teimosia de quem já não está 100%?

Velhos caem e temos que ficar em cima, ou melhor, atrás deles. As máfias dos bingos, as máfias do INSS, as máfias do crédito consignado. Ninguém perdoa os velhinhos, aproveitadores e golpistas dentro dos bancos, condomínios e até das prisões.

Será a feliz idade? Dá para transar até quando?! Viva o sexo da geração geriátrica! Di Cardoso, Ivete e a Neusa do céu, e assim deu jogo no BSC, as sessentonas do áudio que viralizou no WhatsApp mandam o veco em cima dos meninos do Bobos Sem Corte, quem tem sinalzinho não será aprovado!

A partir de quando somos velhos, idosos, anciões? Quando colocar aquela barra do banheiro, quando destravar a bengala? E ainda: Como estão as nossas velhas?! Os idosos orientais de Heitor Okimura e a avó nonagenária de Raoni, mais flexível que Marcão Nascimento e seu time avançado.

Scroll to top