BSC de segunda-feira? É amigo, esse é o BSC… e ele é perigoso!!! Neste episódio bancado pelos magnânimos patrões nós respondemos a sabatina do nosso mecenato abrindo o jogo e não deixando de responder nenhuma dúvida sobre as nossas queridas e privadas vidas públicas.

E se você gosta do BSC e gosta mais ainda de episódio extra, corra lá na nossa área de Patrões e veja como apoiar o programa… o próximo extra está mais perto do que você imagina!

Agradecimento especial ao nosso time de patrões (Maio/2017):

Arthur Pereira
Bruna Duarte
Diego Virmond
Felipe Fonseca
Flávio Silva
Gabriel Ito
Michel Coelho
Paulo Bezpin
Pedro Reis
Renata Bezpin
Rosser Ferreira
Túlio Couto
Tiago Filipe

Entre o Céu e o Inferno têm muita coisa. Você não sabe onde está, para onde vai; não sabe nem como ali chegou, muito menos qual foi a arma do crime. Você definitivamente precisa de um guia turístico, quem sabe uns panfletinhos.
Lembrei! Maldito Senhor Mostarda com o cano na Biblioteca! Teu corpo ali, e você aí, todo translúcido, vendo ele caidão no ângulo mais ingrato para um covarde morrer. A galera do SAMU vai rir de você, quem será que vai recolher esses miolos?
A vida após a morte nos reserva o desconhecido, referências não faltam. Quem te receberá e para onde você irá? Será que não dava só para morrer e sumir? E esses seres todos? Não para de chegar sírio e chinês de terremoto, São Pedro não pôde receber todo mundo, tá chovendo no molhado, e a fila aumenta.
Após os programas sucessos sobre Céu e sobre o Inferno, agora é a vez do meio termo, o Outworld, o Nowhere Land, muito melhor que o Céu, bem pior que o Inferno, o Limbo Rocks!
O BSC podcast falará ainda sobre os espíritos, os demônios, os Heitores Querubim Alados com Bigolim de fora. É muito encosto, não faltam os repressores, é de bispo à espírito, com Padre Quevedo pra ti exorcizar.
E mais: A estreia do humorista Gui Preto no BSC Family! Sim, cumprimos a cota.

Pés nos pedais, mãos para o alto! Hora do acidente, ou do assalto?! Rá-tá-tá!
Não é por acaso que no Brasil você só pode tirar a carteira de motorista quando faz 18 anos, é para você, enfim maior de idade, entrar na vida adulta sendo apresentado para o crime, para a corrupção, sujar suas mãos, sua virtude! Você é adulto e vai fazer merda!
Mas não é só de corrupção que é feito o sistema de trânsito e emissão de CNH no Brasil… Têm também os acidentes. Aquele curso insuportável do CFC, o aleatório psicotécnico, aquela provinha xexelenta que só o Tiririca não passa, as muitas e muitas aulas, e daí o resto são taxas e taxas e aulas pagas em excesso, e quebras, e acordos, e subornos, e esquece, esse não é o Conexão Repórter com Roberto Cabrini e ninguém aqui quer morrer…
O Detran existe em São Paulo e os equivalentes nos demais estados para nos lembrar de algo: Ninguém é honesto nessa p**** de país a começar por você! Já carteirou Blitz? Passou pontos? Falsificou a digital? Pagou quebra… Eaí, você ganha por mais ou menos pontos??

Scroll to top